Documentário sobre o Eddy Teddy e a origem da cena rockabilly no Brasil

Já faz algum tempo que venho pensando em montar algum tributo em homenagem ao Eddy Teddy, pela contribuição ao cenário musical brasileiro.

Sou suspeito em falar, por ser filho… mas graças as pessoas que conviveram com ele e outras pessoas que o admiram, seja pelo Coke Luxe ou Rockterapia, ou pelas Feirinhas de Discos, ou pelos artigos publicados, pelos programas de rádios ou até mesmo por ajudar diversas bandas nacionais me senti mais do que na obrigação de preparar um documentário em homenagem a este cara que eu não me canso de falar.

Graças a mais dois malucos, “Reverend Stalker” e o Vébis, começamos a trabalhar neste projeto que certamente será um grande acontecimento na história da cena rockabilly no Brasil.

Além de buscarmos entrevistas com as pessoas que conviveram, que  acompanharam toda esta história, disponibilizarem todo o meu acervo de imagens e vídeos para incrementar ainda mais esta história, servindo de base base para as futuras gerações.

Minha idéia é lançar este documentário no ano que vem, ano em que o Eddy completaria 60 anos e para incrementar ainda mais pretendo realizar puta festa para o lançamento, com muito convidados e muita jam, do jeito que o Eddy curtia.

Tema: Eddy Teddy ( A origem da cena rockabilly no Brasil)
Publico: Amantes e aficionados pelo Rock & Roll & Afins
Ação: Informar através de relatos e entrevistas de várias pessoas do meio musical a origem do Rockabilly no Brasil através do seu principal percursor, o músico e compositor “Eddy Teddy” da banda Coke Luxe / Rockterapia.

Em meados dos anos 50, a música norte americana, passava por modificações e um gênero musical começava a surgir no sul dos Estados Unidos um filho caipira do Rock & Roll conhecido como Rockabilly

A população acostumada com a música caipira regional, misturada aos lamentos negros, o blues, começava a se contagiar pelo Rock & Roll. ( Até que surge, Elvis Presley, o primeiro Rockabilly
De lá para cá a musica passou por diversas transformações até que no final da década de 70 o movimento punk que propunha uma volta às origens do rock trousse a tona o Rockabilly, como um revival dos anos 50.

Através de bandas consagradas como o Stray Cats, o rockabilly chegava com força total em terras tupiniquins no inicio dos anos 80 com o surgimento do grupo Coke Luxe, a primeira banda rockabilly nacional.

Dedicada a reviver o som dos anos 50, paralelamente aos aglo-americanos Stray Cats, com um sotaque paulista e com um som diferente dos grupos da Jovem Guarda, o Coke Luxe começa a divulgar o rockabilly pelo Brasil.

Liderada pelo cantor e guitarrista Eddy Teddy, o grupo gravou pela Baratos & Afins dois discos, o compacto ” É Rockabilly!”, em 83, e um LP, “Rockabilly Bop”, em 84.

Como a maioria dos bons discos de música popular, os do Coke Luxe refletem sua época e ao mesmo tempo soam atemporais. Embora totalmente dedicado a recriar a sonoridade do rock dos anos 50, nada tem de retrógrado, inclusive em várias letras de seu repertório, com irreverência, crítica de costumes e, acima de tudo, muito humor.

Censurar ninguém se atreve mesmo: o Coke Luxe vinga os pioneiros do rock brasileiro, boa parte dos quais certamente gostariam de ter gravado muitas de suas músicas.

Sem falar dos demais integrante, Lelo Cadillac, Little Piga, Jipp Willis e Billy Breque (membro dos Pholhas), realizaram inúmeras participações, incluindo as principais casas de shows de São Paulo como por exemplo o Radar Tantan, Napalm, Zoster, Rose Bombom, Madame Satã, Cais e Espaço Retro, Alquimia entre outros,.

Sem contar as apresentações históricas nos principais programas de televisão da época como Boca Livre, Perdidos na Noite, Fabrica do Son e Programa Livre.

O grupo durou até o final dos anos 90, depois disso, reuníam-se esporadicamente em alguns eventos.

Eddy Teddy, já havia participado de outras bandas como por exemplo, Satisfaction, Spectral Zoo, British Beat e posteriormente a Rockterapia.

Já era uma pessoa famosas e queridas no meio roqueiro paulistano, como músico e agitador, trocando fitas e discos com amigos e promovendo as lendárias feiras de colecionadores de discos aos domingos, e ainda dedicava parte do seu tempo em escrever matérias para os diversos veículos de comunicação além de promover festas através do Clube do Rockabilly.

Até que infelizmente veio a falecer e subir para o Grande Salão de Baile do Céu em 1997, aos 47 anos de idade, vitima de um aneurisma.

Eddy Teddy e o Coke Luxe, deixaram um legado de aficionados espalhados por todo território que até hoje se propagam e divulgam o mais autentico rockabilly pelo Brasil e pelo mundo.

Anúncios

8 Respostas to “Documentário sobre o Eddy Teddy e a origem da cena rockabilly no Brasil”

  1. Dr Kiss_(Leandro Beijo) Says:

    Vamos estrear os comentários aqui:
    grande iniciativa do Luis este projeto,
    afinal precisavamos resgatar a historia do Rockabilly nacional, mostrando as raízes deste belo estilo musical e a história de uma banda muito legal, eu tive o prazer de curtir o som deles logo que lançaram o vinil, eu tinha o compacto e o LP, comprado um dia depois de ouvir o som deles em um especial sobre o Rockabilly da Rádio 97 FM (época que era uma rádio Rock’n’Roll) no ano de 1985, posso dizer que na minha época de adolescente curtia um ótimo estilo musical : Rockabilly !!!
    sucesso neste projeto , te ajudarei nesta no que puder.
    abração

  2. Therencio Says:

    Tenho tanta coisa pra dizer sobre o Eddy que poderia filmar um documentário paralelo. Só cuida pro Kleiner não cortar a cara de todo mundo no video!

    Abraço!

  3. Henry Paul Says:

    Meu… a história do Eddy é realmente recheiada de Rockabilly.
    Infelizmente não o conheci em vida, mas sem dúvidas ele fez parte da Avalanche de Rockabilly que caiu sobre minha cabeça quando ainde eu era jovem…
    Rocker de verdade pra mim é como Eddy Teddy, ou seja, ele pra mim é um simbolo do Espirito Rocker de Verdade, sem preconceitos e com muita atitude rocker, foi através dele que muitos rockers conheceram inclusive o nome Rockabilly, ele gritou esse Gênero Musical para os quatro cantos deste País. Todos Curtiram o que ele fez. Pra mim Eddy Teddy é sinônimo de Rockabilly!!!
    WE LOVE EDDY!!!

  4. Ivan "Rocker" Says:

    Grande Luis!
    Ja add no fotolog da Pin Up’s como favorito! Mesmo não tendo conhecido seu pai pessoalmente, numa das minhas idas à galeria do Rock em meados de 1990 na loja do Miguel estava o Carlos Alberto Lopes (Sossêgo) que tive o prazer de conhecer naquele dia e o assunto era justamente sobre o Eddy e a banda Coke Luxe.Desde aquele dia devido aos super comentários que ouvi me empenhei em ouvir e saber mais sobre a Coke Luxe e sobre o Eddy.A Rô inclusive foi em umas das festas organizadas pelo seu pai na av. Mandaqui e diga-se de passagem, além de pioneiro do rockabilly teu pai foi o pioneiro da organização de festas rockers também!
    Um super abraço

  5. Wagner (Lindão) Says:

    Luizinho, pode contar comigo. Eu conheci o Eddy, junto com o Billygato e o Vicente em uma casa que não foi mencionada: Na-Palm. Depois que conhecemos o estilo, fizemos um grupo inspirado em seu pai e também no Stray Cats, que foi apresentado por ele. Apesar de nós apenas termos tocado no Carbono 14, em uma apresentação na qual estavámos muito nervosos. Apresentamos ao Eddy duas músicas que ele gostou muito e uma delas ficou marcada até hoje, ” O Lindão”, como também “Ana Luisa”. Fui a muito shows do Cokeluxe e depois Rockterapia, inclusive em um que eles abriram o show do Raul Seixas.
    Espero que esse comentário possa acrescentar algo que esteja faltando!
    Informe-me o dia para que eu possa acrescentar mais alguma informação nesse documentário. um Super-Abraço Rocker.

    • luizteddy Says:

      Cara, com certeza vamos marcar em breve uma entrevista com você..
      EStou por enquanto escaneando todo o materia.
      Inclusive já achei os flyers do Napalm e também da abertura do show do Raul Seixas no Palmeiras…

      Esse documentário tem que ficar fudido

  6. Daniel Kroker Says:

    dai maloca,

    vai ser lindo o filme sobre o grande pai de todos os topetes do pais…

    abraço bitcho

  7. RICARDO BILLY Says:

    Parabens pelo blog e tudo que lembre essa pessoa fantastica Sr EDDY TEDDY ,momentos do grande amigo EDDY TEDDY devem ser lembrados e relembrados com muito entusiasmo,,,me recordo bem deste grande icone do rock nacional em diversos momentos na cena São paulo das 80´espero contribuir de alguma forma ,,,,um grande abraxxx..good times…Ricardo Billy

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: